fbpx
Joana Carolina Punch Needle Craft Tot bag
Joana Carolina

Joana Carolina

Primeiro dia de creche com… Punch Needle

Olá gente bonita!
Voltei!

Ai… O mês de Agosto não foi fácil! Miúdos em casa… Muito trabalho…
Como é possível já estarmos em Setembro? Passou tão rápido…
Espero que tenhas tido umas férias maravilhosas ( ou que ainda venhas a ter ). Eu cá ainda não mas conto resolver isso no final do mês 😉

Para quem não sabe eu tenho dois filhotes, o meu Leonardo de 4 anos e a minha Vitória de 11 meses. Ambos fazem aninhos este mês – ai estão tão crescidos, como o tempo passa…
Já começaram as respetivas escolinhas, ele no pré-escolar e ela na creche. É a primeira vez que fica longe do pai e da mãe. O maridão foi forte e cuidou dela este tempo todo. Pensei que ela ia estranhar muito mais mas não.. Lá ficou, contente e bem disposta como sempre. Que orgulho!
Como sabem, sendo uma mãe galinha tive que lhe dar alguns miminhos para que não estranhasse tanto a mudança. Está habituada às peças e bordados aqui da casa e mesmo na cama dela com as suas almofadas e até já dorme agarrada a uma delas!

Na entrada numa creche temos que preparar a higiene das crianças, os lençois, as mudas de roupa, etc. E onde levar tudo isso?
Então lembrei-me de fazer um saco que desse para transportar tudo, que fosse giro, funcional e claro que tivesse presente a técnica Punch Needle. Tinha uma ideia brutal, bem pensada. Mas o pior minha gente é que eu ainda não me ajeitava bem com a máquina de costura! Tenho uma máquina pequena que comprei há imenso tempo mas nunca tive grande sucesso quando trabalhei com ela. Chateava-me e desistia… Mas desta vez e depois de fazer a almofada da Vitória ( detalhes no próximo post ) lá me aventurei com o saco. E um saco com forro! Mais díficil ainda! Só mesmo eu…
Fiz o bordado sem problemas mas o pior foi mesmo a parte de costurar e perceber como ficava o forro. A primeira tentativa foi um desastre completo, tive que desfazer tudo, que trabalheira… Mas tinha a certeza de que ia conseguir. A seguir eram as alças e acho que as desfiei umas três vezes! O “namorido” só me dizia para ter calma. Eu já me estava a irritar e nesse dia parei e fui dormir a reflectir no assunto. Na manhã seguinte acordei determinada a acabar o saco e consegui!
Ficou perfeito? Não, claro que não! Ficou funcional e bonito? Claro que sim!
Muito orgulhosa do saco com a letra inicial da minha Vitória! Confesso que não foi fácil, que me enervei várias vezes mas se há coisa que eu tenho é persistência e a teimosia de concretizar sempre.
Consegui! E até já fiz mais três saquitos para os miúdos. Começa a tornar-se viciante bordar com Punch Needle e costurar à maquina.

Totebag
Interior do Tote Bag

E tu, queres ficar viciad@ neste processo?
Ah, posso pedir que me contes a tua primeira experiência com máquina de costura?
Deixa em baixo nos comentários!

Partilha este artigo

Vamos Bordar com Punch Needle?

Bordar em Punch Needle

Entrar neste mundo do bordado Punch Needle é fascinante. Podes criar vários tipos de peças para decorar a tua a casa ou até mesmo tornares este amor num negócio

É um bordado rápido, simples e muito relaxante de se fazer. Mas como todos os ofícios tem os seus truques. E eu quero ensinar-te tudo

Vamos lá?

Tens Aqui um Presente!

Queres começar e não sabes por onde? Tens aqui um vídeo e um workbook para iniciares já o teu bordado

Estás à espera de quê? 

Inscreve-te em baixo

Benefícios deste bordado